Alqueva: Santander e EDIA promovem missão empresarial espanhola em outubro

Facilitar o investimento direto espanhol no setor agrícola e agroindustrial português é objetivo desta iniciativa conjunta do Banco Santander e da EDIA, que decorre a 19 e 20 de outubro, e que dará a conhecer Alqueva e o seu potencial socioeconómico.

Alqueva427
Há um número crescente de investidores e empresários interessados em comprar ou concessionar em longa duração os terrenos agrícolas na área de regadio da barragem de Alqueva. Aos árabes, norte-americanos e chilenos, juntam-se também os do país vizinho, Espanha.

Culturas como as da noz, amêndoa e até ferragens, ou alfafa, para alimentação de gado são agora as mais apetecíveis para o Alqueva, a maior reserva estratégica de água da Europa, que serve uma área aproximada de 10.000 km2, divididos pelos distritos de Beja, Évora, Portalegre e Setúbal, abrangendo um total de 20 concelhos.

Numa iniciativa conjunta que visa apresentar e cativar para o potencial do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva (EFMA) especificamente para empresários e investidores do setor agrícola e agroindustrial espanhóis, a EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas de Alqueva, que faz a ponte com os agricultores e donos dos terrenos naquela zona, e o Banco Santander, através da Direção de Produtos e Serviços Empresas (DPSE) e o International Desk, levam a cabo uma missão empresarial ao Alqueva em outubro.

A decorrer a 19 e 20 de outubro, o objetivo desta missão empresarial é o de facilitar o investimento direto estrangeiro (IDE), neste caso espanhol, no setor agrícola e agroindustrial português.

Para tal, visitar-se-ão a sede da EDIA e outras infraestruturas como o Canal da Rede Primária Pisão-Roxo, o Centro de Telegestão do Aproveitamento Hidroagrícola Alvito-Pisão e a Estação Elevatória de Cuba. Já a observação das culturas irrigadas por Alqueva será assegurada com a visita a explorações agrícolas locais - Monte do Pereiro - e a herdades - Vale da Rosa (Silvestre Ferreira) -, bem como com a visita à Sovena. Beja, Ferreira do Alentejo, Vidigueira e Cuba serão algumas das localidades visitadas neste périplo.




PROGRAMA
 
DIA 1 - 19 de Outubro
19h00

Breve Apresentação do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva + Filme alusivo ao EFMA
Sede da EDIA 
20h30

Jantar de Networking
Pousada de São Francisco em Beja
 
DIA 2 - 20 de Outubro
08h30 Partida para Ferreira do Alentejo
09h00 Visita ao Canal da Rede Primária Pisão-Roxo
09h45 Visita à Exploração agrícola Monte do Pereiro (José Courinha)
11h15 Visita à Herdade Vale da Rosa (Silvestre Ferreira)
12h30

Partida para o Restaurante Ribafreixo (Vidigueira)
No trajeto podem-se observar culturas irrigadas por Alqueva
13h00

Almoço volante
Restaurante Ribafreixo
14h30 Partida para a vila de Cuba
14h45

Visita ao Centro de Telegestão do Aproveitamento Hidroagrícola Alvito-Pisão
Apresentação do funcionamento do Sistema de Telegestão e visita à Estação Elevatória de Cuba Oeste
15h30 Visita a uma Exploração agrícola de culturas anuais (António Vieira Lima)
17h00 Visita à Sovena
17h30 Fim da visita




SABIA QUE...
... as empresas portuguesas clientes do Banco Santander Totta interessadas em iniciar ou expandir a sua atividade em Espanha podem contar com o apoio local do Banco Santander? Saiba mais sobre o International Desk, a área especializada do Banco Santander que tem como objetivo apoiar a internacionalização das empresas - saiba mais aqui


CONTEÚDO RELACIONADO

Atualidade

Santander assina novo protocolo da linha de crédito Capitalizar Mais

Atualidade

Santander cresce como Banco Principal no segmento de empresas

Empresas TV

Conversas Soltas Santander Advance Empresas: Agricultura Mais Forte

Empresas TV

Importância da Agricultura para o Santander em Portugal