Alqueva: Santander e EDIA promovem missão empresarial espanhola em outubro

Facilitar o investimento direto espanhol no setor agrícola e agroindustrial português é objetivo desta iniciativa conjunta do Banco Santander e da EDIA, que decorre a 19 e 20 de outubro, e que dará a conhecer Alqueva e o seu potencial socioeconómico.

Alqueva427
Há um número crescente de investidores e empresários interessados em comprar ou concessionar em longa duração os terrenos agrícolas na área de regadio da barragem de Alqueva. Aos árabes, norte-americanos e chilenos, juntam-se também os do país vizinho, Espanha.

Culturas como as da noz, amêndoa e até ferragens, ou alfafa, para alimentação de gado são agora as mais apetecíveis para o Alqueva, a maior reserva estratégica de água da Europa, que serve uma área aproximada de 10.000 km2, divididos pelos distritos de Beja, Évora, Portalegre e Setúbal, abrangendo um total de 20 concelhos.

Numa iniciativa conjunta que visa apresentar e cativar para o potencial do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva (EFMA) especificamente para empresários e investidores do setor agrícola e agroindustrial espanhóis, a EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas de Alqueva, que faz a ponte com os agricultores e donos dos terrenos naquela zona, e o Banco Santander, através da Direção de Produtos e Serviços Empresas (DPSE) e o International Desk, levam a cabo uma missão empresarial ao Alqueva em outubro.

A decorrer a 19 e 20 de outubro, o objetivo desta missão empresarial é o de facilitar o investimento direto estrangeiro (IDE), neste caso espanhol, no setor agrícola e agroindustrial português.

Para tal, visitar-se-ão a sede da EDIA e outras infraestruturas como o Canal da Rede Primária Pisão-Roxo, o Centro de Telegestão do Aproveitamento Hidroagrícola Alvito-Pisão e a Estação Elevatória de Cuba. Já a observação das culturas irrigadas por Alqueva será assegurada com a visita a explorações agrícolas locais - Monte do Pereiro - e a herdades - Vale da Rosa (Silvestre Ferreira) -, bem como com a visita à Sovena. Beja, Ferreira do Alentejo, Vidigueira e Cuba serão algumas das localidades visitadas neste périplo.




PROGRAMA
 
DIA 1 - 19 de Outubro
19h00

Breve Apresentação do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva + Filme alusivo ao EFMA
Sede da EDIA 
20h30

Jantar de Networking
Pousada de São Francisco em Beja
 
DIA 2 - 20 de Outubro
08h30 Partida para Ferreira do Alentejo
09h00 Visita ao Canal da Rede Primária Pisão-Roxo
09h45 Visita à Exploração agrícola Monte do Pereiro (José Courinha)
11h15 Visita à Herdade Vale da Rosa (Silvestre Ferreira)
12h30

Partida para o Restaurante Ribafreixo (Vidigueira)
No trajeto podem-se observar culturas irrigadas por Alqueva
13h00

Almoço volante
Restaurante Ribafreixo
14h30 Partida para a vila de Cuba
14h45

Visita ao Centro de Telegestão do Aproveitamento Hidroagrícola Alvito-Pisão
Apresentação do funcionamento do Sistema de Telegestão e visita à Estação Elevatória de Cuba Oeste
15h30 Visita a uma Exploração agrícola de culturas anuais (António Vieira Lima)
17h00 Visita à Sovena
17h30 Fim da visita




SABIA QUE...
... as empresas portuguesas clientes do Banco Santander Totta interessadas em iniciar ou expandir a sua atividade em Espanha podem contar com o apoio local do Banco Santander? Saiba mais sobre o International Desk, a área especializada do Banco Santander que tem como objetivo apoiar a internacionalização das empresas - saiba mais aqui


CONTEÚDO RELACIONADO

Atualidade

Açores: Santander promove Seminário de Estratégia e Gestão para o setor agrícola

Atualidade

VÍDEO: Santander na Ovibeja 2019

Empresas TV

Santander lança crédito online para empresas

Empresas TV

Importância da Agricultura para o Santander em Portugal